Sobre


Associe-se


Índice


Notícias

Heiner Kielhoz

Fronteiras incertas: arte e fotografia no acervo do MAC USP

Exposição com 120 fotografias inaugura o quarto andar da Nova Sede

Luiz Braga
Sombrinha, 2010
Série Nightvisions


Em 1974 o Museu de Arte Contemporânea da USP realizou a exposição Fotografia Experimental Polonesa, que resultou na incorporação de 38 obras ao acervo. Este é o núcleo central da exposição Fronteiras incertas: arte e fotografia no acervo do MAC USP, que o Museu inaugura no dia 28 de setembro, a partir das 11 horas. Esse conjunto fornece o testemunho de um período de intenso debate, não só sobre o rompimento das fronteiras entre os territórios da arte e da fotografia, como também acerca da incipiente presença da imagem fotográfica em museus e galerias naqueles anos. Para Helouise Costa, docente do MAC USP e curadora da exposição, “essas obras indicam ainda que as décadas de 1960 e 1970 foram marcadas pela experimentação e pela internacionalização de certos procedimentos que levaram ao estabelecimento do que se convencionou chamar de campo expandido, no qual a fotografia avançou para além dos limites da bidimensionalidade de seu suporte tradicional, fundiu-se a outros dispositivos imagéticos e tornou-se elemento recorrente na arte contemporânea”.

David Hockney
Gregory and Shinro # 9, 1983/02/18

A exposição reúne ainda outras obras incorporadas nos anos de 1970 e aquisições mais recentes, datadas dos últimos quatro anos. Em menor número estão incluídas fotografias da coleção do Banco Santos, sob a guarda provisória do Museu. O recorte temporal vai de 1962 a 2010, período que abarca o declínio da fotografia moderna, o momento pioneiro de assimilação de fotos pelos acervos dos museus de arte no Brasil e chega aos dias de hoje “em que as tecnologias digitais libertaram as imagens de seus suportes materiais, dotando-as de fluidez e maleabilidade inéditas”, diz Helouise.

Claudia Andujar
Inês, 1971

A exposição apresenta trabalhos de artistas como Waldemar Cordeiro, Hudinilson Jr., Antoni Mikolajczyk, Claudia Andujar, Maureen Bisilliat, Cris Bierrenbach, Heiner Kielholz, Odires Mlászho, Misha Gordin, Mario Cravo Neto, Luiz Braga e David Hockney, entre outros. Para Helouise, “a exposição vem mostrar que as obras incorporadas por um museu conferem um novo significado ao acervo já existente, ao passo que esse mesmo acervo em seu conjunto permite que as obras recém-chegadas ganhem perspectiva histórica. Destas contaminações recíprocas emergem possibilidades renovadas de entendimento dos fenômenos artísticos e da contribuição dos museus na contemporaneidade”.

 

Waldemar Cordeiro
O Beijo, 1967

Exposição Fronteiras incertas: arte e fotografia no acervo do MAC USP
Curadoria: Helouise Costa
Abertura 28 de setembro, a partir das 11 horas
Encerramento 27 de julho de 2014
Funcionamento Terça das 10 às 21, quarta a domingo das 10 às 18 horas
Local MAC USP Nova Sede – Avenida Pedro Álvares Cabral, 1301
Telefone 11 2648.0254
Entrada gratuita
www.mac.usp.br

tweet curtir +1

Comentários selecionados (1)

  1. Nario Barbosa

    O novo espaço do MAC veio para mostrar que a arte é uma memória que vai ficar para nossos filhos,parentes,amigos e quem curte a arte!!Parabéns a Helouise Costa!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Calendário


Imprensa



Contato